Difícil é encontrar alguma profissão ou nicho de trabalho onde algum post, artigo ou texto não se assemelhe a esse. Em meio à maioria de profissionais masculinos quando o assunto é WordPress, vamos falar sobre as mulheres que fazem a diferença também nesse meio.

De uma forma geral, no mundo do desenvolvimento a quantidade de mulheres é notavelmente menor. O WordPress, acredito, é um meio de entrada e aproximação delas, talvez pelo caminho que o design oferece. Afinal, em uma sala de design (gráfico ou mesmo web), a quantidade de gêneros se equilibra muito bem.

E como em qualquer assunto sobre WordPress, elas se dividem em desenvolvedoras, designers e escritoras de conteúdo específico sobre WordPress. Além, claro, das diversas e incontáveis usuárias da ferramenta. Não temos meios concretos para contabilizar a quantidade de mulheres envolvidas, então o que falaremos aqui é baseado no que encontramos na Internet e nos eventos de WordPress.

Comunidade Brasileira de WordPress

Vamos começar falando da presença ilustre do universo feminino na Comunidade Brasileira. Já falamos aqui sobre a Comunidade, suas ações e formas de fazer parte dela.

Como sabemos, essa Comunidade é recente (comparada a outros grupos espalhados pelo mundo), e seu início está fortemente ligado a uma mulher, Cátia Kitahara.

Catia Kitarrara

Cátia é designer, trabalha no Hacklab (empresa especializada em desenvolvimento de softwares e também em WordPress) e há muito tempo é entusiasta do WordPress. Colabora desde sempre com as traduções para o pt-BR, inclusive foi uma ação dela no WordCamp Curitiba 2010 que aproximou outras pessoas a colaborarem com essa parte do WordPress, onde uma força tarefa criada para ajudar na tradução aproximou novos usuários que fazem isso até hoje.

Ela também está ligada à organização do primeiro WordCamp do Brasil, que aconteceu em São Paulo em 2009 e teve a presença ilustre do Matt Mullenweg. Esse evento foi extremamente importante para o WordPress no Brasil – após ele, muitas localidades como Curitiba,  Belo Horizonte e outras iniciaram os processos para também receberem uma versão do evento oficial.

Nos anos seguintes, ela participou da organização de versões do evento em Curitiba.

Em 2012 sua forte atuação na Comunidade a levou a participar de mais uma organização de WordCamp em São Paulo, que aconteceu em Agosto de 2012 e teve uma das maiores audiência desse evento no Brasil. Nos meses próximos ao evento, o site registrava mais de 20 mil visitas.

Catia no WordCamp São Francisco

Em 2013 ela (junto com outros integrantes do Hacklab) foram participar do WordCamp San Francisco, um dos mais famosos e importantes eventos do tipo e que mais uma vez contou com a presença do Matt. Lá eles puderam, além de participar de dois dias de palestras, contribuir com o core do WordPress através do Contributor Day.

E para finalizar, e olha que nem falamos de projetos importantes de WordPress que ela participou, ela foi entrevistada pelo site Code Poet, especializado em WordPress. Na entrevista, ela fala da sua atuação na Comunidade e de trabalhos que desenvolveu junto com o Hacklab.

Miriam de Paula

Miriam de Paula

Ou Drika, como também é conhecida, é outra ilustre presença na Comunidade e no universo feminino do WordPress. Trabalha com desenvolvimento web desde 2009 e, como muitos (ou todos), se apaixonou pelo WordPress assim que o conheceu um pouco melhor.

Atualmente ela possui o (diferente) cargo no fórum de suporte Brasileiro de Expert e Diva, onde é ativa e colabora respondendo e interagindo com os tópicos do fórum. Em 3 anos, ela já participou de mais de 450 tópicos de suporte.

Ela também mantém uma atividade constante em seu blog com diversos tutoriais e dicas sobre WordPress, uma outra forma cada vez mais comum de contribuir com o universo WP.

É possível também encontrar seu nome em traduções de plugins.

 

Diana K. Cury

Diana K Cury

A Diana, outra ilustre presença na Comunidade e no Fórum (também como Expert e Diva), é uma desenvolvedora desde 2009 e ela está diretamente ligada ao WordPress, além de trabalhar com isso, ela é responsável pelo site do BuddyPress Brasil, é colaboradora na tradução do WordPress e possui mais de 1200 interações no Fórum Oficial de suporte ao WordPress.

Em seu perfil internacional do WordPress ela possui 5 plugins publicados, que juntos somam mais de 100 mil downloads, e todos com atualizações recentes, o que mostra seu cuidado com o material publicado.

 

Anyssa Ferreira

Anyssa-Ferreira

Anyssa apareceu recentemente no universo WordPress, e isso ficou mais notável ao participar da organização e ser palestrante no WordCamp Sampa 2014 (que nessa versão foi a única mulher). Ela é designer, trabalha com web desde 2007 e no WordPress contribui com a Comunidade nos fóruns, traduções, participando dos Meetups e WordCamps.

Em sua palestra do WordCamp ela falou do seu processo de construção de temas para WordPress, focando o assunto no web design, apresentando ferramentas, metodologias e algumas dicas importantes.

 

Presença Internacional

Muitos conhecem os posts sempre perfeitos e nos melhores momentos que a Sarah Gooding publica no WP-Tavern. Fora fazer parte desse gigante site sobre WordPress, ela também faz parte do time de desenvolvedores da Untame. Ela é especializada em CMS Open Source e em arquitetura de redes sociais.

Sarah-Gooding

Ela também escreve no WPMUDEV, outro respeitado site de tutoriais e outros serviços.É possível encontrar referências a ela como Ninja Editorial, ou seja, especialista em escrever artigos e posts sobre WordPress. E é assim mesmo que todos a devem conhecer, pelo menos a maioria, tenho certeza.

Ela possui algumas interações no Fórum internacional. Possui um plugin publicado, é o BuddyPress Sliding Login Panel e o tema Ex Astris também é de sua autoria com mais de 45 mil downloads.

Seu foco está mesmo em publicações, as pessoas que a seguem, que pelo Twitter podemos ter uma ideia da quantidade, somente lá são mais de 5000 seguidores, estão muito interessados em seus posts, sempre exibindo novidades, trazendo o que há de novo em plugins e ferramentas para auxiliar em todos os aspectos do WordPress. Quem acompanha o WP-Tavern por exemplo, é surpreendido praticamente todos os dias com novidades que ela publica.

Em 2014, ela foi uma das palestrantes do importante WordCamp Miami, onde falou sobre BuddyPress.

Conclusão

O objetivo aqui não é apontar as melhores, nem mesmo excluir do universo WordPress aquelas que não foram citadas. Com esse post queremos apenas mostrar o potencial que a ferramenta tem e que as mulheres fazem parte fundamental em toda a história.

Nos fóruns é muito comum ver tópicos abertos por mulheres, e isso nos mostra que além dessas pessoas que são mais ligadas às Comunidades, existem muitas outras mulheres desenvolvendo, criando e escrevendo com e sobre WordPress.

Outro lugar onde é possível ver o crescimento do universo feminino são os WordCamps: a quantidade de mulheres tem aumentado a cada ano, pelo menos é o que eu observo nas versões de São Paulo.

Deixamos aqui o convite para que vocês, mulheres, se manifestem, mostrem seu potencial, seus projetos e façam parte da Comunidade Brasileira de WordPress. A Comunidade sempre incentiva a participação feminina, seja colaborando com o WordPress, participando dos WordCamps ou mesmo palestrando em algum deles.

Crédito das imagens: As fotos foram retiradas dos perfis pessoais, com exceção da foto da Cátia Kitahara que foi colhida no site do Matt Mulenweg.